Terça-feira, 28 Maio

Um homem, de 22 anos, foi preso em flagrante pela Polícia Federal (PF), nesta quarta-feira-feira (26), quando tentava junto ao Conselho Federal de Enfermagem (COREN/AM), conseguir o r egistro de classe utilizando diploma de conclusão de curso superior de enfermagem falso.

O homem foi detido dentro da sede da COREN, em Manaus, sob posse do documento de universidade falsificado e foi encaminhado a Superintendência Regional da Polícia Federal para prestar esclarecimentos e, em seguida, para audiência de custódia.

Vale ressaltar que o crime de falsidade ideológica (art. 299 do Código Penal) tem pena de até 5 anos de reclusão e o crime de uso de documento falso até 6 anos de reclusão (art. 304, também, do Código Penal).