Quarta-feira, 29 Maio

O Governo de Roraima através da Secretaria de Saúde continua contratando pessoas próximas e com passado turbulento, cercado de investigação e até pedido de prisão. O contrato no valor de R$ 37,7 milhões é para plantões de seis horas no sistema único de saúde. A empresa que venceu o contrato foi criada há menos de dois anos. 

A secretária de saúde Cecília Lorenzon, que foi alvo de denúncia protocolada na Secretaria de Combate a Corrupção da Controladoria-Geral da União (CGU), vai gastar milhões com uma empresa que foi criada há menos de dois anos, a VB SERVIÇOS MÉDICOS LTDA.

A empresa contratada é ligada à Valdan Vieiras Barros que é procurador da UPMED Farma, de Wilson Fernando Basso, marido da secretária Cecília Lorenzon. A descoberta foi possível através de dados do CNPJ da VB SERVIÇOS, sendo sócio-administrador desde junho do ano passado. 

Outro sócio da empresa é o médico Vitor Paracat Santiago, que aparece na escala de plantão do Hospital Geral de Roraima (HGR), no mês de dezembro de 2021. 

O Termo de Reconhecimento e Ratificação Processo foi publicado no Diário Oficial do Estado (DOE-RR), no último dia 22 de maio, referente à contratação de “credenciamento aberto de pessoa jurídica para prestação de serviços na área de saúde por meio de plantões de seis horas, em caráter complementar ao sistema único de saúde”.

Na publicação, foi reconhecido e ratificado o credenciamento em favor da VB SERVIÇOS MÉDICOS LTDA, que vai receber o valor mensal estimado de R$ 3.147.889,52. Ou seja, por ano, a empresa criada há menos de dois anos, vai abocanhar o montante de R$ 37,7 milhões. 

O contrato foi assinado pela secretária de saúde, Cecília Lorenzon, no último dia 19 de maio, autorizando a empresa especializada em “atividade médica ambulatorial restrita a consultas”, a atuar no sistema de saúde. 

A VB SERVIÇOS MÉDICOS LTDA, inscrita no CNPJ 43.942.732/0001-03, mostra que o capital social é de R$ 150 mil, e está localizada na Avenida Major Williams, número 937, no bairro Centro, em Boa Vista. 

Outra empresa de Valdan Barros é a VB CONSULTORIA E GESTÃO EMPRESARIAL LTDA, o que mostra que as iniciais de seu nome sempre estão nas empresas, levando a crer que a VB SERVIÇOS MÉDICOS sempre foi dele, mas sendo oficial, desde o ano passado.

Cecília Lorenzon

No dia 19 de maio, o advogado Marco Vicenzo protocolou uma denúncia na Secretaria de Combate a Corrupção da Controladoria-Geral da União (CGU), solicitando uma investigação em conjunto com órgãos de Defesa do Patrimônio Público e Polícia Federal.

De acordo com o documento, é necessário que as autoridades policiais apurem os possíveis fatos de omissão do governador Antonio Denarium e da secretária de saúde, Cecília Lorenzon.

O autor da denúncia, Marco Vicenzo pede que os órgãos de fiscalização, investiguem os possíveis crimes corruptivos que estão “drenando os cofres públicos sem o menor pudor”. No documento, é destacado os contratos por dispensa de licitação que são realizados na Secretaria de Estado de Saúde (Sesau).