Terça-feira, 28 Maio

Estudantes da rede municipal de Coari, podem receber tecnologia de reconhecimento facial, para registrar entrada e controle de frequência escolar.

A nova tecnologia foi contratada pelo prefeito de Coari (a 367 quilômetros de Manaus) Keitton Pinheiro, no valor de R$ 2.384.730,00 (dois milhões, trezentos e oitenta e quatro mil e setecentos e trinta reais). O extrato de contrato foi assinado pelo prefeito na última sexta-feira (10) e divulgado na edição do Diário Oficial dos Municípios desta segunda-feira (13).

Na teoria o sistema é para caso o estudante não compareça à aula, os pais ou responsáveis possam ser comunicados automaticamente, através de envio de mensagens. Posteriormente, eles deverão justificar à escola o motivo da falta, além de zerar o tempo na chamada do professor na sala de aula.

A empresa ganhadora da licitação é a Soft Treinamento em Informática Ltda com sede em Manaus, cidade na qual não possui o sistema de reconhecimento facial para alunos da Semed. O sistema vai valer apenas para esse ano letivo, com o prazo de 12 meses.

O sistema de reconhecimento facial é uma técnica cuja base vem de que cada pessoa tem um padrão característico facial em que, usando algum sistema de análise profunda de imagem, se pode identificar tal indivíduo.

Solicitamos nota da assessoria da prefeitura de Coari, sobre quantidades de aparelhos e escolas onde o sistema será implantado, informações sobre o sistema e a necessidade da instalação do reconhecimento facial, mas até o fechamento da matéria não obtivemos resposta.