Terça-feira, 28 Maio

 Os moradores do ramal do Brasileirinho que fica localizado na zona Rural de Manaus, fizeram uma manifestação na manhã desta quarta-feira (22) após linha de ônibus 006 parar de atender a população na comunidade.

Em protesto, os moradores atearam fogo em pneus e madeira fechando parte da rua. Os veículos, que passavam pelo local, ficaram impedidos de ultrapassar a barreira feita pelos moradores.

A manifestação é devido à falta de manutenção da via, como falta de calçamento, esgoto e a grande quantidade de buracos no local.

Segundo relatos de moradores o local foi asfaltado em 2009, e nunca houve manutenção. O problema dos buracos acontece desde o início do ramal até o último quilômetro, que é o 12. 

Além do problema com a estrada, moradores foram informados através de um cartaz dentro do ônibus, que a partir do dia 25 deste mês, a linha 006, que atende a localidade, não entraria mais.

Uma equipe da prefeitura de Manaus foi até o local e informou que vai realizar os serviços de terraplanagem e recuperação asfáltica. 

A Seminf reforçou, que a cada 15 dias, as equipes retornarão ao trecho para fazer manutenção, com o intuito de minimizar os impactos decorrentes da falta de infraestrutura do ramal.

Veja vídeos: