Domingo, 26 Maio

O Tribunal de Contas do Estado (TCE), deixou de informar os pagamentos de diárias e passagens aéreas a partir de fevereiro de 2023, conforme seu portal da ‘transparência’.

O TCE tem a missão de exercer o controle da gestão dos recursos públicos orientados e fiscalizar sua correta e efetiva aplicação em benefício da sociedade amazonense. É o órgão responsável por cobrar transparência dos municípios assim como a devida prestação de contas. Mas não vem dando bons exemplos ou cumprindo sua missão.

Conforme publicação do mês de janeiro sobre diárias e passagens aéreas, a última apresentada no Portal da Transparência, foram gastos R$ 125.709,71 (cento e vinte e cinco mil, setecentos e nove reais e setenta e um centavos). Mas a partir desta publicação nada consta durante os demais meses do ano.

Levando-se em consideração que 2023 já chegou ao mês de abril, isso representa uma desatualização de quase três meses, deixando as informações ocultas para a população.

Ressalta-se que, somente nos três primeiros meses, já foram realizados pagamentos de R$ 288.036,14 (duzentos e oitenta e oito mil, trinta e seis reais e quatorze centavos) em diárias aos conselheiros do TCE.