Quinta-feira, 25 Julho

O Ministério Público do Estado do Amazonas (MP-AM) abriu um Procedimento Administrativo visando a instalação de políticas públicas e de prevenção à violência escolar no município de Coari. A recomendação foi publicada nessa segunda-feira (24) no Diário Oficial do MP.

De acordo com o documento oficial, para a abertura do inquérito, a promotora Fábia Melo considerou as tragédias ocorridas em Blumenau, Santa Catarina.

“O presente PROCEDIMENTO ADMINISTRATIVO visando a atuação preventiva no Município de Coari, sobretudo no fomento e indução de Políticas Públicas voltadas a cultura de paz nas escolas, prevenção de violência no ambiente escolar e demais ações voltadas ao tratamento sistêmico desse problema, atuando na perspectiva interinstitucional”, cita a promotora na peça.

Veja documentos na integra