Terça-feira, 28 Maio

Contrato terceirizado do Governo de Roraima vinculado à Secretaria de Estado da Saúde de Roraima (Sesau) é denunciado por suspeita de superfaturamento em serviços para manutenção. No antigo contrato era pago R$ 92, no atual, realizado por inexigibilidade, é pago R$ 8,7 mil, no mesmo serviço.

A secretária de saúde, Cecília Lorenzoni, famosa por colecionar polêmicas, contratou a empresa TECHNOVA COMÉRCIO E SERVIÇO HOSPITALAR LTDA, por inexigibilidade, ou seja, sem processo licitatório, com preços extremamentes altos, com suspeita de superfaturamento. O Contrato n° 758/2022 é para contratação de empresa especializada em “manutenção de equipamento da marca Ortosintese”.

Dados do CNPJ da empresa, nº 20.511.708/0001-14, apontam que a TECHNOVA está localizada na Rua Dr. Arnaldo Brandão, nº 79, no bairro São Francisco, em Boa Vista.

De acordo com uma fonte anônima, na Sesau, existia uma empresa que cobrava o valor de apenas R$ 92 para três serviços de manutenção, enquanto a nova empresa, TECHNOVA COMÉRCIO, está cobrando pelos mesmos serviços, o montante de R$ 8.700,00.

Na tabela de valores contratados, é possível verificar que a TECHNOVA COMÉRCIO cobrou pelos serviço de Autoclave Ortosíntese R$ 2.100,00; Instalação e Desinstalação R$ 2.100,00 e Validação Térmica R$ 4.500,00. Somando, os serviços custam aos cofres públicos, o valor de R$ 8,7 mil.

Em contrapartida, a antiga empresa que prestava serviços para a Sesau, cobrava apenas R$ 92, pelo serviço de Autoclave Ortosíntese, onde era incluso sem nenhuma cobrança adicional, a manutenção preventiva, sendo a Instalação e Desinstalação, como também a Validação Térmica.