Quinta-feira, 25 Julho

Com 17 votos, a primeira-dama Simone Denarium vai assumir a vaga de conselheira do Tribunal de Contas do Estado de Roraima (TCE-RR), após votação secreta na Assembleia Legislativa do Estado (ALE-RR). Simone foi indicada pelo marido, o governador do Estado, Antonio Denarium.

A candidatura de Simone Denarium ao cargo de Conselheira do TCE-RR, recebeu diversos pedidos de impugnação que foram totalmente negados pelos deputados estaduais, assim como, pedidos de investigação e suspensão na Justiça do Estado de Roraima, o qual também manteve imparcial. 

Em uma das justificativas, a Justiça disse que o pedido de impugnação proposto pelo advogado Marco Vicenzo, não comprovou que Simone Denarium possuía uma relação com o governador do Estado. Sendo que Simone e Denarium são casados, e na rede social, ambos declaram o relacionamento.

Brasília 

O deputado federal Kim Kataguiri ajuizou ação popular contra a nomeação das esposas de agentes públicos em cargos vitalícios nos Tribunais de Contas de Estado (TCEs). A denúncia é contra a primeira-dama Simone Denarium, esposa do governador de Roraima, Antonio Denarium, e outras quatro esposas.

Além de Simone Denarium, a ação também é contra a mulher do governador do Pará, Helder Barbalho, e dos ministros do Desenvolvimento Social, Wellington Dias, dos Transportes, Renan Filho, e do Desenvolvimento Regional, Walder Góes. A denúncia foi protocolada nesta sexta-feira (26).

Todas as cinco foram recentemente nomeadas conselheiras do TCEs, onde os salários variam entre R$ 35,4 mil a R$ 62,5 mil com os benefícios. O processo movido pelo deputado Kim pede a anulação dos atos de nomeação de todas as esposas de autoridades.