Quinta-feira, 25 Julho

Jorge Kajuru, senador por Goiás, fez uma denuncia ao mpf, cobrando investigações sobre o uso dos recursos enviados à Fundação Nacional dos Povos Indígenas (Funai), em Roraima, para a compra de gêneros alimentícios, e para o Distrito Sanitário Especial Indígena – yanomami (Dsei-y), para transporte aéreo.

O senador Jorge Kajuru, que representa outro estado, está mais preocupado com a causa que os senadores eleitos por Roraima, inclusive já havia acionado o Tribunal de Contas da União (TCU) para investigar o caso. 

Segundo ele, os gastos significativos com gêneros alimentícios por parte da coordenação regional da Funai em Roraima, de R$ 3,9 milhões no ano de 2022, não condizem com a atual realidade do povo yanomami, com indígenas apresentando desnutrição avançada. 

Os principais crimes investigados são fraude em licitação, corrupção ativa e passiva, associação criminosa e inserção de dados falsos em sistema de informação. a soma das penas para estes crimes pode ultrapassar 35 anos de reclusão.

O processo de investigação tramitará na sede da procuradoria-geral da república, em Brasília.